Quem tem direito à cidadania italiana e como funciona seu reconhecimento?

A cidadania Ius Sanguinis (termo em latim que significa “direito de sangue”) é um direito inerente a todo descendente de italiano. Ou seja, se você tiver um antepassado italiano, há uma grande chance de ter seu direito à cidadania reconhecido!

Estima-se que existam mais de 25 milhões de descendentes de italianos no Brasil.

Para a cidadania italiana não há limite geracional. Portanto, não importa se o “italiano da família” era sua mãe, seu avô, sua bisavó ou seu trisavô, o fundamental é demonstrar, por meio das certidões de nascimento, casamento e óbito, a existência de um imigrante italiano que tenha dado origem à sua família.

Um ponto importante é que, diferentemente de outras cidadanias, não é necessário que seja feito o reconhecimento dos graus superiores até chegar a você. Por exemplo: para um neto de italiano obter o reconhecimento, não é obrigatório que seu pai ou sua mãe obtenham primeiro.

Existem basicamente duas formas de reconhecer a cidadania por descendência: a via administrativa e a via judicial.

Quando falamos de cidadania via administrativa, uma das possibilidades é solicitar o reconhecimento diretamente na Itália. Nós, da Rosso, cuidamos de tudo e acompanhamos a prática do início ao fim: desde a preparação dos documentos, as etapas nos órgãos públicos, o monitoramento do processo até a fase final do reconhecimento, quando os documentos são emitidos.

Já o reconhecimento judicial, que é a outra forma possível, requer um advogado em terras italianas representando o cliente — que não precisa estar presente fisicamente na Itália.

Vamos entender melhor ?

CIDADANIA ITALIANA VIA ADMINISTRATIVA

Nessa modalidade, você se desloca até a Itália, onde oferecemos toda a assistência necessária para sua acomodação. Cuidamos dos detalhes da hospedagem, que será em um de nossos apartamentos privativos dotados de todo o conforto, e também promovemos as atividades turísticas tradicionais italianas. Afinal, você terá bastante tempo livre durante sua estada, e nada melhor do que curtir esse momento único de sua vida em um lugar paradisíaco, como a Sicília.

VANTAGENS

  •  O processo acontece de forma mais rápida (por lei, o prazo máximo são 6 meses).

  •  Você não precisa se preocupar em alugar uma casa e prepará-la para viver na Itália. A Rosso faz tudo isso para você!

  •  Você reside em um imóvel privativo, ou seja, não precisa dividir a casa com ninguém.

  •  Sua família é bem-vinda e não cobramos adicionais por isso.

  •  Ao final do processo, você recebe todos os seus documentos de identificação (como identidade e passaporte) e está pronto para explorar o mundo!

  •  É uma chance de viver uma grande experiência cultural, conhecer os nativos, aprender italiano e ainda visitar lugares fantásticos!

  •  Nosso suporte cobre 24 horas por dia e sete dias da semana.

É exatamente por isso que gostamos de chamar esse processo de “Experiência!”, porque entendemos que é uma oportunidade única para nosso cliente viver uma grande imersão na cultura italiana.

Em todas as situações, nosso suporte é essencial para garantir uma estada prazerosa e livre de problemas. Porque nunca se sabe se será preciso uma assistência emergencial relacionada à saúde, por exemplo, ou mesmo uma simples consulta médica. Além disso, estamos à disposição para ajudar a descobrir os melhores produtos existentes nos supermercados, redigir uma breve comunicação em italiano, auxiliar na locomoção ou no aluguel de um carro, sugerir opções de turismo e tudo o mais que envolva uma vida em outro país.

CIDADANIA ITALIANA VIA JUDICIAL

Essa modalidade é realizada por meio de um processo judicial onde um juiz italiano do Tribunal de Roma analisa o seu caso e se pronuncia em relação à sua cidadania italiana.

Diferente do processo administrativo, a sua presença na Itália não é necessária. A Rosso conta com um advogado italiano dedicado a representá-lo durante todo o percurso.

VANTAGENS

  • Sua presença na Itália não é necessária: um de nossos advogados italianos o representará durante todo o período.

  • O processo judicial tem menos burocracia, pois sua tramitação envolve menos órgãos do sistema público italiano.

  • Você pode reunir mais familiares e deixar seu processo bem mais econômico.

  • Uma vez analisada sua papelada por nossa equipe, não há riscos quanto a seu direito à cidadania italiana.

  • A sentença do juiz ocorre no prazo médio de 18 a 24 meses.

  • Logo após os procedimentos burocráticos, você pode requerer os documentos pessoais diretamente no consulado italiano mais próximo de sua residência, sem nenhuma complicação.

  • O pagamento é superfacilitado e pode ser parcelado.

Em geral, a modalidade judicial é aplicada em duas circunstâncias: para evitar as filas intermináveis nos consulados italianos e para fazer valer seu direito no caso conhecido como “Via Materna”, quando na linhagem italiana há uma mulher que teve filhos antes de 1948.

Para quem não tem direito à cidadania italiana por descendência, há outras opções, que listamos a seguir.

CIDADANIA POR CASAMENTO

A concessão da cidadania italiana se dá por naturalização do cônjuge estrangeiro de cidadão italiano. Isso significa que, se seu marido ou esposa for italiano(a), você, como cônjuge, tem o direito de solicitar a naturalização por casamento.

 

Tal requerimento pode ser realizado no consulado ou diretamente no município italiano de residência do interessado.


Nesses casos, por se tratar de uma concessão, existem regras e requisitos, como um período mínimo de união, comprovado por meio de certidões, e um nível intermediário de conhecimento do idioma italiano.

CIDADANIA POR RESIDÊNCIA

É concedida aos estrangeiros que residam em território italiano. O tempo de residência para a solicitação pode variar de 4 a 10 anos. 

 

É importante ressaltar que esse é um processo com regras específicas, que leva em conta outros fatores, exigindo uma análise mais detalhada dos documentos.

Quer dar um start nesse sonho?

Fale com um de nossos consultores e saiba mais!

Fale com um consultor